Um turbilhão de coisas impactam nossos olhos, ouvidos e outros sentidos a todo instante. E todos eles exigem nossa atenção imediata. Nada produtivo para escritores que precisam se concentrar

Onde quer que estejamos, há placas e pessoas, ruídos e intensidades querendo nossa concentração. Se não bastasse o mundo físico, ainda temos as versões digitais de distração, camufladas em seu formato mobile, em e-mails, abas e janelas que se multiplicam como praga em nosso navegador. Por isso, aqueles que escrevem enquanto estão conectados, possuem uma maior quantidade de elementos capazes de roubar sua atenção.

Você não precisa se concentrar nas coisas ao seu redor para se atrapalhar com o fluxo de ideias enquanto escreve. Não precisa tanto. Basta apenas uma fração de segundos, um leve distrair-se, e lá se vai o fio da meada. O marketing é treinado para sugar nossa atenção – tão somente um microscópico elemento de sua presença atinja nossos sentidos.

Distrair-se é natural para todos. No entanto, como escritores é preciso driblar esta tendência. A distração é um dos principais elementos que fazem com que escritores tenham grande dificuldade em terminar suas obras de literatura. A grande questão é: como não se distrair enquanto escreve? Existem técnicas que podem ajudar um escritor a se manter focado em seus textos e não se permitir desviar ou divagar?

1. Reserve Tempo Para Escrever

Você já deve ter percebido: escrever é algo que exige dedicação, trabalho e… muito, muito tempo. Se dedicarmos apenas frações do nosso relógio (por exemplo, 5 minutos de manhã, 10 minutos a tarde), nossa obra precisará de um pouco mais do que a eternidade para ser completada. E o que isso tem a ver com distração?

Quando reservamos pouco tempo para escrever, nossa escrita acaba ficando espremida entre diversas outras atividades. E são justamente estas que fazem com que nosso cérebro esteja dividido em duas frentes: a atividade que terminamos e aquela que iniciaremos em seguida.

Por isso, meu velho, você precisa se organizar, antes de mergulhar em suas crônicas, autobiografias e romances. Certifique-se de não começar um novo projeto literário antes de ter certeza de ter reservado tempo suficiente para se dedicar a ele.

2. Defina Horários Com Menos Distrações

Não existem técnicas miraculosas para não se distrair enquanto escreve. O que você precisa ter em mente é que há momentos em seu dia em que o universo ao seu redor exigirá mais de você. Estas não são boas horas para escrever. Muitos escritores preferem levantar mais cedo. Outros, por outro lado, costumam deitar mais tarde – isto porque as horas da madrugada são as mais discretas. Ah, as madrugadas! Pouco barulho, nenhum e-mail, mensagem ou telefonema.

Os horários reservados para escrever um livro precisam ser aproveitados exclusivamente para isso. Ou seja, você deve aproveitar este horário para tão somente escrever, e não para realizar pesquisas, revisão ou edição. Assim, faça pesquisas para seu livro em outros horários. Além disso, escreva sem editar. Não se preocupe com concordâncias, ortografia e pontuação. Não revise coisa alguma até que tenha finalizado seu texto.

3. Defina Prioridades e Mantenha o Foco

Não tente fazer duas tarefas simultaneamente. Eu sei, o objetivo é otimizar seu tempo. Mas, vai por mim: isto é um tiro no pé. Se estiver escrevendo, dedique-se somente a esta tarefa. Por que menciono isso? Imagine um escritor que envia uma mensagem de texto para um amigo. Após isso, ele passa a escrever seu livro. Quando recebe a resposta do amigo, interrompe a escrita, lê o que ele escreveu e envia uma nova mensagem. E assim, sucessivamente. Não duvido que você seja multitarefa, caso tenha pensado nisso. Mas para extrair o melhor de sua criatividade, procure fazer uma coisa de cada vez. A escrita exige total concentração, e não pequenas doses de concentração. Se realmente quiser escrever textos interessantes, você precisa manter o foco. Focando uma coisa de cada vez permitirá que você produza textos geniais e em menos tempo.

4. Desligue Tudo (ou Quase Tudo)

Não precisa ser algum gênio para saber que a TV e outros aparelhos eletrônicos são grandes inimigos da concentração dos escritores. Por isso, na medida do possível, desligue tudo o que for irrelevante (o que, em muitos casos, pode incluir a internet).

E quanto à música? Isto varia de pessoa para pessoa. Há quem ache mais produtivo escrever com uma boa canção em plano de fundo. Pessoalmente, gosto desta alternativa. Um detalhe curioso, no meu caso, é que se a letra da música estiver no mesmo idioma em que eu estiver trabalhando, a coisa não rende.

Já ouvi autores dizerem que preferem ouvir somente músicas conhecidas – assim, não ficam distraídos prestando atenção na letra.

5. Mantenha Sua Mesa Limpa e Organizada

Outro recurso interessante para evitar distrações é limpar muito bem sua mesa. Não deixe objetos sobre ela. Uma simples caneca pode chamar sua atenção e evocar algum pensamento que irá tirá-lo da cena que estiver escrevendo. Mas, evidentemente, não deixe para fazer isso somente quando for escrever. Do contrário, perderá tempo precioso limpando a bagunça. Mantenha sua mesa sempre organizada.

Para que seus amigos e parentes não fiquem preocupados com seus frequentes “sumiços”, deixe-os saber que durante seus períodos de escrita você entra em sistema de espera.

6. Dê Intervalos ao seu Cérebro

Se reservar uma hora ou mais por dia para escrever, não obrigue seu cérebro a trabalhar durante todo esse período sem um descanso merecido. Você poderia, por exemplo, escrever durante 25 minutos e então dar uma pausa de 5 minutos. Depois basta repetir o processo. Este método de gerenciamento de tempo também é conhecido como Técnica Pomodoro.

Seu cérebro não é um escravo – ele também tem seus direitos. As pausas são ótimas para ajudar o cérebro a respirar e renovar a criatividade. E uma oportunidade para você se presentear com aquele cafezinho.

7. Use Editores Contra Distração

Há diversos softwares disponíveis na internet que facilitam a vida dos escritores, evitando que estes se distraiam. Por exemplo, muitos de tais aplicativos permitem que o escritor coloque seus textos em tela cheia. Isto é importante para evitar que outras atividades em nosso computador ou notebook distraiam nossa atenção.

Um software nesta linha é o IAWriter (para Mac, iOS e Android). Ele tem um visual clean, sem o excesso de barras e ferramentas, e recursos para ajudar o escritor a focar no que está escrevendo. Por exemplo, a possibilidade de escrever em tela cheia ou manter a frase que está sendo escrita na cor preta, ao passo que as demais ficam na cor cinza.

IA Writer

Há muitos outros softwares desenvolvidos para a profissão de escritor, que pode nos catapultar para longe dos tradicionais Words da vida. E muitos deles são desenvolvidos sob o princípio de que o escritor precisa de um visual limpo, livre de distrações. Uma breve pesquisa na internet vai apresentar-lhe diversas opções.

Não Se Compare Com Outros

Esta é uma perigosa distração. Costuma alfinetar a consciência de muitos jovens escritores, cobrando resultados. O que importa se o autor fulano de tal conseguiu terminar seu quarto romance antes dos 40 anos? Por outro lado, existem muitos outros que só conseguiram terminar o primeiro depois de muito, muito tempo. Portanto, esqueça os outros autores. Concentre no seu potencial, siga seu ritmo e deixe suas ideias e palavras fluírem naturalmente.

Distrações Sempre Existirão

Não há como evitar: sempre haverá objetos, situações ou pensamentos que invadirão seu momento criativo, entrando de sola. Isto pode acontecer independentemente de você estar em meio a uma crônica pequena ou um longo romance. Distrações atrapalham o fluxo de ideias e atrasando a conclusão do seu trabalho. Ainda assim, tomando as medidas acima, você dará um importante passo para evitar ser prejudicado pelas impiedosas e inoportunas distrações.

E o que você acha? Como evitar distrações e melhorar a produção ao escrever? Compartilhe sua opinião e técnicas nos comentários.